Só pra Devs: Como burlar o tempo de propagação de DNS no Linux

Você acabou de migrar o site pro endereço final, pro domínio do cliente, mas ainda falta configurar algumas coisas, coisas essas que precisam ser feitas com o site em produção. Mas você não consegue acessar o site, tem que esperar horas pra propagar o DNS — Situação do cotidiano não? Posso apostar que a maioria dos desenvolvedores passam por isso quase sempre. Mas da pra ser evitado, sabia?

Mas atenção, essa é uma dica para desenvolvedores, uma dica que só vai rolar no computador de quem fizer essa configuração, ou seja, seus clientes vão continuar tendo que esperar propagar, mas você, meu caro desenvolvedor que conseguiu largar o Ruindows Windows, você, vai conseguir ver o site no ar para poder fazer os ajustes finais e deixar o site lindão, sem erros, sem imagens quebradas, etc.

Mãos a obra!

Vá até o shell/linha de comando e digite:

Feito isso, o shell vai abrir uma tela do editor de textos nano, padrão do Linux. Nesse arquivo já vai existir algumas regras de domínio, como localhost e outras. Em baixo, delas você coloca no mesmo formato:

Feito isso, é só apertas as teclas CTRL + O pra salvar, o nano vai perguntar o nome do arquivo, deixe como está, aperte enter e pronto, está salvo. Pra fechar o editor, é só pressionar CTRL + X.